“fazer as paredes falar”

o que fazemos

O Atelier126, nasce em 2009, com uma experiência prévia laboral de mais de uma década em resposta a 3 grandes necessidades emergentes do mercado:

_Reabilitação do tecido urbano;
_Inovação dos serviços/espaços para um público mais exigente;
_Oferta de tarefas avulso em áreas de intervenção cada vez mais específicas.

Tem como equipa pluridisciplinar arquitectos, designers, engenheiros e outros que se associam conforme as características e necessidades de cada projeto/obra, estabelecendo parcerias de confiança com empresas de construção e fornecedores.

Paula Barbosa Ferreira

Fundadora

Arquiteta fez o curso na Faculdade de Arquitetura de Lisboa (UTL) entre 1992-1998. Inscrita na associação profissional Ordem dos Arquitectos sob o nº 8265.

 

Inicia a vida profissional em Itália, na cidade de Roma, por um par de anos, em colaboração com o estúdio Alessandro Anselmi Arquitectos . Mais tarde, em Lisboa, colabora com vários profissionais e 10 anos depois inicia-se individualmente na actividade, para em 2009 fundar o Atelier126 sediado no centro histórico de Lisboa, onde vive.

 

 

 

 

projecto

Trabalho conceptual e funcional sobre uma intenção ou um programa definido, atravessando a linha do abstracto-conceito até ao concreto, para a afinação de uma orquestra de áreas, volumetrias, materiais, cores, texturas até aos mecanismos e instalações.

a abordagem

_ Estudos de Viabilidade;

_ Estudos Prévios;

_ Projectos de Arquitectura;

_ Projectos de Execução de Arquitectura.

“um diálogo aberto para a concretização da matéria.”

consultadoria

Serviço de base para a clarificação das premissas conceptuais , regulamentares e estéticas.

Aplicáveis a cada caso, a cada espaço e a cada pessoa.

a abordagem

_ Estudos de Viabilidade;
_ Pedido de Informação Prévia (PIP);
_ Consulta e Interpretação de documentos camarários;
_ Apreciação prévia de espaços , edifícios ou terrenos

procedimentos camarários

Diálogo necessário com as entidades oficiais que regulamentam o processo administrativo em enquadramento urbano ou rural, em todas as situações que exijam o controle prévio , tais como a formalização e instrução de pedidos de:

a abordagem

_ Licenciamento;
_ Comunicação Prévia;
_ Legalização;
_ Licença de utilização com ou sem Alteração de Uso.

… em contexto rural ou urbano de …

_ Construção de raiz;
_ alteração interior ou exterior;
_ ampliação;
_ conservação;
_ reconstrução.

construção

Corporiza-se o projeto em colaboração ativa com os todos os intervenientes em obra, traçando um diálogo aberto para a concretização da matéria.

a abordagem

_ Projectos de Execução de Arquitectura;
_ Cadernos de medições e quantidades para estimativas orçamentais;
_ Concursos de empreitadas;
_ Assistência técnica de Obra;
_ Acompanhamento de Obra.

interiores

Trabalha-se a fronteira do interno, considerando a presença e soberania de uma corpo maior onde Acontece a arquitetura de interiores. Aqui também, o manuseamento da iluminação natural ou artificial como ferramenta modelar do espaço.

a abordagem

_ Projectos de Arquitectura de Interiores
_ Projectos de Execução de Arquitectura de Interiores
_ Modelação tridimensional
_ Escolha de materiais, cores, iluminação
_ Desenho de mobiliário
_ Consultadoria

trabalhos

Uma selecção dos nossos trabalhos.

Casa dos corvos, a simplicidade de Alfama

Estúdio na Sé, o refúgio na cidade

Loja Bolodoce & Café

Apartamento EUA

O Stand da Morgan em Lisboa, pureza imperfeita

Casa na Graça ao estilo Tibetano

Série Casas nas Escadinhas de São Miguel

Série Casa na Sé,1dt

Série Casa na Sé,4dt

Série Casa na Sé,6dt

contactos

Rua São João da Praça 126-1 dto.
1100-521 Lisboa
+351 93 424 56 14
info@atelier126.com

contacte-nos

3 + 10 =